Descobertas: Vila Maria Zélia

Já pensou em encontrar, no meio do caos de São Paulo, uma Vila com cara de cidadezinha do interior!? Ouvir os passarinhos cantando, conhecer todos os seus vizinhos e ter espaço para descanso e lazer ao lado de casa!? Pois o que parece uma utopia se faz realidade no Belenzinho.

Maria Zelia 1

A Vila Maria Zelia, primeira das vilas operárias do Brasil, se ergueu graças às ideias de um médico visionário, o  Dr Jorge Street, no intuito de abrigar os cerca de 2100 trabalhadores da Cia Nacional de Tecidos de Juta.

Hoje, cerca de 200 famílias povoam as casas que ainda preservam estilos que remetem aos imigrantes que lá habitavam. Entre as construções, se destacam as ruínas das antigas escolas (uma para meninos e a outra para meninas), a capela de São José, o Armazém 19,  lar do Grupo de Teatro XIX e a casa onde foi filmado o filme “O Corintiano”, estrelado por Amácio Mazzaropi.

Uma região rica em história, personificada em figuras como a do seu Dedé. Edélcio Pereira Pinto conta, com a experiência de um senhor de 63 anos que nasceu, cresceu e continua vivendo na mesma casa, como era a vila na sua infância e como é triste vê-la da forma que hoje está. Uma pessoa que deixa transparecer o amor e carinho que tem pelo local onde sua família prosperou e que luta para que a região tenha o reconhecimento e os cuidados que merece.

Andando pelas pequenas ruas é possível ver o descaso com o patrimônio. Construções invadidas pelo mato e pelas árvores, reformas inacabadas e que, pelo menos por enquanto, não têm previsão de acabar.

Maria Zelia 2

Mas, para quem pensa que o descaso é por parte da população, está totalmente enganado. De acordo com o próprio site do local, os moradores estão travando uma dura batalha para melhorias nas edificações e nos espaços comuns da vila, além de estarem sempre em busca da promoção da cultura e do lazer.

Um exemplo é o Grupo XIX de teatro. Nascido em 2001, promove, junto à Associação Cultural da Vila Maria Zelia, diversos espetáculos e atividades como oficinas e exposições. Uma das montagens mais recentes é uma versão da peça “Vestido de Noiva”, de Nelson Rodrigues, que ficará em cartaz nos finais de semana, até dia 19/05.

Um lugar que resgata um país no começo de sua industrialização, onde vizinhos se conhecem e se cumprimentam, onde as pessoas têm contato com cultura e lazer. Um lugar que merece maior atenção das entidades governamentais e dos órgãos de preservação. Um lugar que toda pessoa deveria conhecer. Uma utopia dentro do caos de São Paulo.

Acesse:

http://www.vilamariazelia.com.br/

http://grupoxix.com.br

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Anúncios

Um comentário sobre “Descobertas: Vila Maria Zélia

  1. valter coelho rocha disse:

    Lindo menininha,continue com esta cabeça dura,acreditando sempre nas sua idéias e convicta do que pretende e adimira. Parabens pela materia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s