Filme: Para gostar de docs

Documentários são filmes um tanto peculiares. Daqueles que ou você ama, ou você detesta. Se você faz parte do segundo time, confira algumas dicas que podem te fazer mudar de ideia:

Lixo Extraordinário (2010)


Um filme que trata de um tema um tanto batido: a vida no lixão, porém, desta vez, com uma abordagem diferente. Este doc aborda o trabalho feito pelo artista plástico Vik Muniz no aterro de Jardim Gramacho, no Rio de Janeiro. Muniz retratou os moradores e trabalhadores do local em suas obras de artes, feitas com materiais encontrados no lixo. Além do lado artístico, o lado humano é extremamente evidenciado.

Foi indicado ao Oscar de Melhor Documentário em 2011.

O Renascimento do Parto (2013)


A realidade da “indústria do nascimento” no Brasil é a discussão deste documentário. Um filme que abre os olhos para a forma como algumas mães são induzidas a optar por uma cirurgia cesariana ao parto normal. É obrigatório a todas as mulheres que pretendem ser mães, aos homens que um dia pensam em ser pais e àqueles que, de uma forma ou de outra, vieram ao mundo.

Do Underground ao Emo (2013)


Se você que está lendo este texto tem entre seus 20 e 30 anos, você viveu intensamente a efervescência do movimento underground brasileiro. O surgimento do Hangar 110, as bandas que ganharam destaque no cenário e a invasão emo foram parte ativa da nossa adolescência. Artistas de peso e pessoas influentes da música explicam como aconteceu esse fenômeno e como foi se desenvolvendo ao longo do tempo

Conhece algum outro documentário interessante!? Gosta do tema!? Já assistiu algum dos citados!? COMENTE!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s